CIGA lança sistema para Nota Fiscal de Serviços Eletrônica

A novidade oferece várias vantagens para municípios e contribuintes.

A proposta do CIGA é utilizar a tecnologia da informação para a melhoria da gestão pública, por isso oferece diversas soluções aos seus consorciados. A novidade é o lançamento da Nota Fiscal Eletrônica de Prestação de Serviços Municipais, criada para registrar as operações de prestação de serviço dos estabelecimentos do município. Ela substitui a Nota Fiscal tradicional, emitida em papel, com isso reduz custos, riscos de erros e o impacto ambiental.

O sistema foi desenvolvido pela equipe do CIGA, partindo de sugestões do Colegiado de Secretários de Fazendas Municipais (CONFAZ-M), que levantou a necessidade de uma ferramenta simplificada que pudesse ser disponibilizada aos municípios consorciados do CIGA, seguindo o padrão de economia, facilidade e agilidade no atendimento, além do acesso rápido e seguro.

A Nota Fiscal Eletrônica de Prestação de Serviços Municipais será vinculada ao Sistema de Gestão do Simples Nacional, também fornecido pelo CIGA. O novo sistema será implantado em parceria com as associações dos municípios, para as empresas que fazem parte do Simples Nacional. A Nota Fiscal Eletrônica segue os padrões estabelecidos pela Associação Brasileira de Secretarias de Finanças das Capitais (ABRASF).

“A Nota Fiscal Eletrônica é gerada digitalmente e armazenada eletronicamente, eliminando a impressão e arquivo em papel. Além de agilidade e segurança para quem emite e recebe a Nota Fiscal o sistema ainda permite ao fisco o controle em tempo real das operações, contribuindo também para redução de fraudes”, afirma o analista de sistemas, Marcello André Previdi.

 

Foto: Divulgação/Shutterstock